domingo, 14 de dezembro de 2008

Dos "Cadernos de Poesia": O Aposento Inconsútil


"Você continua escrevendo porque
o que mais você pode fazer?"
MARGARET ATWOOD



- à nossa volta, jaz
o silêncio

- avesso a metáforas, porque
pleno

- sem saber, também
saberemos?


Words by Lívia Soares
Photo by Loretta Lux


14 comentários:

momo disse...

Hola Dama.
poco a poco voy entendiendo mejor el idioma , y me identifico mucho con lo que escribes.
Un abrazo y si no coincidimos que tengas unas felices fiestas.
un abrazo

fred disse...

Muito bom, Lívia.
Beijos

paulo disse...

... interessantíssimo cá esse mundo!


abraços...

paulo

Benó disse...

Minha querida, as visitas que aqui faço são sempre bem agradáveis. Rolo de cima a baixo e sempre gosto do que leio.
Obrigada por partilhares connosco o teu sentir.

Nesta época de luz, que todos os homens possam sentir em seus corações, o AMOR que Jesus nos ensinou.

BOAS FESTAS!

Tinta Azul disse...

O que não pode ser dito
tem que ser escrito.


E como eu gosto de ler o que você escreve!

Um óptimo Natal em Natal.

:)))

Graça Pires disse...

Um silêncio avesso a metáforas... Achei lindo. Um Natal cheio de Amor e luz e um beijo.

mdsol disse...

São sempre palavras muito densas e leves ao mesmo tempo!
É bom vir aqui!
:))

rua do mundo disse...

Olá, Livia
Agradeço a visita e aproveito para te desejar um feliz natal pra você e sua família
Um abraço e apareça sempre, viu?
Fátima Queiroz

Tinta Azul disse...

Querida Lívia,

Que você tenha um excelente Natal.

Beijos

vendaval com poesias disse...

Lívia agradeço sempre seu carinho, desejo que nesse Natal possamos de fato, juntamente com o novo ano que desponta encontrar a verdadeira "luz", tão ansiada por muitos, onde me incluo.
Dias com saúde, paz e alegrias a vc e ao seus.
Abraços

Graça Pires disse...

Um ano de 2009 Melhor. Beijos.

Tania disse...

Olá querida Lívia,

Quanto tempo! Nestes últimos, não consigo dedicar-me ao mundo dos blogs mas, claro, que sinto saudades.

E entretanto, no deixo de passar por aqui, de quando em quando, para ler as suas poesias (sempre bonitas e elegantes...).

E hoje, é para desejar-lhe um Ano Novo de muita Luz.

Com um grande abraço,

Tania

momo disse...

Navegando minhas costas
É justamente isso que existem menos ...... eclipses da lua que eclipses da alma
feliz 2009 dama

Luciana Marinho disse...

"sem saber também saberemos?"
amei teu espaço. a solidez flutuante de tua escrita. belas imagens. obrigada por tua visita ao máquina lírica ter me trazido aqui.

abraços!